sexta-feira, 9 de setembro de 2011

PONTO DE VISTA - CINEMA ESPÍRITA

Cinema Espírita
Por Júlia Silvestrow Bagno

A abertura para a ideia da vida além-túmulo está se alargando na mídia nacional e mundial. Com pequenos passos, o cinema vem trazendo diversos filmes cujo tema é abordado. De terror e suspense, entregamo-nos a uma lista variada de longas e curtas que fizeram história a partir da presença de espíritos, mas sem quaisquer aprofundamentos na doutrina. Os românticos também ganharam seu reflexo pós-morte, um deles é o filme “Amor Além da Vida”, dirigido por Vincent Ward. Em 2009 o drama “Um olhar do paraíso”,  dirigido por Peter Jackson, chega contando a história de uma garotinha, que ao desencarnar com apenas 14 anos, sente-se ligada ao seu assassino enquanto vive experiências de saudade, medo e crescimento. Novamente sem aprofundamentos doutrinários, mas desperta a curiosidade com o enigmático envolvimento no assunto. Pouco antes, diretores brasileiros passaram a lançar no país cinebiografias de importantes ícones do espiritismo. Dia 9 de Agosto de 2008, a Estação da Luz e parceiros, lançaram o filme “Bezerra de Menezes – O diário de um espírito”, que se passa no século XIX e acompanha sua vida da infância até a fase adulta, marcando a trajetória de uma vida de amor e caridade. Daniel Filho apresentou-nos o longa-metragem “Chico Xavier – O filme” em 2010, fenômeno do cinema brasileiro. Um mês depois de sua estréia, três milhões de pessoas já haviam prestigiado. Cinebiografias à parte, “Nosso Lar” de Wagner Assis, encantou a todos com o exacerbado detalhamento do plano espiritual, baseando-se na obra de psicografia do médium Chico Xavier pelo espírito André Luis. Chegando aos cinemas, o filme “As cartas” e “As mães de Chico Xavier” (que estreou dia 1° de Abril de 2011), emocionaram de milhões de pessoas ao focar cartas e mensagens enviadas de desencarnados aos entes queridos ainda na Terra. Basta-nos agora, esperar por mais incríveis lançamentos dos cineastas que escolheram abranger a vida espiritual. 

Envie você também seu Ponto de Vista! Mande seu texto para meja@feig.org.br !

Abraços Fraternos,
Comissão de Divulgação - COD
MEJA


Nenhum comentário: